.

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Eu ababeleio, tu ababeleias, ele ababeleia... nós ababelamos. E surge um novo verbo...

Bom, depois de ser chamado de ababelado publicamente em meu próprio blog, não tenho muito o que escrever hoje. Mas lembrei-me de uma cena de um filme do Homem que Copiava, quando o garoto comenta sobre a mentira que o tio dele estava preparando para dizer à polícia. Era mais ou menos assim: “o problema da mentira, é que todos os envolvidos têm que saber até os detalhes dela, para que nenhuma versão desminta a outra”. No caso mencionado (que nem sei que caso é esse, mas enfim) a criatura me passa o endereço do blog, divulga o blog, eu sabendo quem ela é, e se ela não me pedir anonimato, não tenho como adivinhar! Afinal, sou meio ababelado mesmo.
Aliás, fui conferir no dicionário, porque além de ababelado sou um tanto burro mesmo, e está lá: desordenado e confuso.
Portanto, não tenho vergonha de assumir. Apesar da contradição da frase: sou um ababelado convicto!

3 Comentários:

  • HAHAHAHHAHA. te mandei um e-mail e nem vi que você já tinha feito o 'sirviço'. pô, valeu aí. é que a polícia é phoda. qualquer dia aparece aí um retrato falado e eu tô fodido. a boa notícia (que você acaba de dar (no bom sentido) sem querer) é que você ainda está vivo. mantenha-se distante da vacina e da doença (se é que há como fazer isso). e esquece essa nóia dos 27. tem outra crise pela frente, a dos 28. acho que nos trinta a parada se resolve. abraço e valeu aí. desculpa a pentelhação.

    Por Blogger ababeladomundo, às 9 de janeiro de 2009 20:05  

  • abalelados todos somos. não tem como fugir. quem diz que não é, mergulhou tanto na coisa que esqueceu de ser. algo como pedir um pastel e não especificar se quer de frango ou carne: normalmente trarão de carne e você comerá quieto e feliz. parabéns pelo blog, caro xará. um abraço.

    Por Blogger Eduardo Matzembacher Frizzo, às 10 de janeiro de 2009 21:36  

  • ababelado ainda que tarde. o importante é perceber e assumir

    Por Blogger Guilherme Palma, às 14 de janeiro de 2009 11:34  

Postar um comentário

<< Home